Passo a Passo: Como desocupar imóvel com reparos por conta própria
7 min
Criado por Monique Tartas em 21/09/2020 15:13
Atualizado por Monique Tartas em 26/05/2021 18:24

 

Como você sabe, é possível realizar os reparos pela imobiliária, onde levantamos o orçamento, apresentamos e, se aprovado, executamos o serviço sem que você tenha que se preocupar novamente. Muito mais rápido e prático do que ter que providenciar tudo por conta própria.

Porém, você não é obrigado a aceitar o orçamento da imobiliária e pode optar por encaminhar os reparos com prestadores de sua preferência. Neste caso, os passos mudam um pouco a partir da mudança, como você confere abaixo:

1º PASSO: Notificar a Desocupação

Comunicar a imobiliária é a primeira coisa que você precisa fazer. Esse comunicado precisa ser feito previamente, no mínimo 30 dias antes da data que você deseja encerrar o contrato de locação. Este aviso deve ser feito pelo inquilino titular da locação, por meio de nossos canais de atendimento: abrindo uma solicitação na Central de Ajuda, por e-mail, WhatsApp, telefone ou, se preferir, de forma presencial.

Atenção! Notificar a desocupação antes do término de contrato ocasionará multa por quebra de contrato. Ou seja, se seu contrato for de 12 meses ou se existe alguma cláusula permitindo a desocupação após 12 meses de aluguel, você deverá esperar vencer este prazo para poder fazer a notificação sem risco de multa. Se sua locação começou no dia 01 de novembro de 2020, por exemplo, o ideal é que a notificação de desocupação ocorra a partir do dia 02 de novembro de 2021.

2º PASSO: Apresentar Negativas de Débitos

Em seguida, você deverá solicitar as certidões negativas de débitos junto às empresas responsáveis pelo abastecimento de:

Se você aluga um imóvel em condomínio, também deve solicitar à administradora uma certidão de quitação de todos condomínios pagos do período da locação.

Obs: Em alguns condomínios, água e gás podem estar inclusos. Se for este o caso, você não precisará solicitar as negativas de água e gás com as empresas de abastecimento.

3º PASSO: Fazer a Mudança

Chegou a hora de colocar a mão na massa! Mas antes não esqueça de agendar com o condomínio, pois alguns possuem regras específicas para isso, determinando inclusive dias e horários permitidos.

4º PASSO: Agendar a Vistoria de Orientação

Aqui você também deve entrar em contato com a imobiliária com antecedência de pelo menos 3 dias úteis para agendar uma vistoria de orientação, ou seja, uma vistoria onde o nosso vistoriador irá orientar o que precisa ser providenciado para efetuar a entrega do imóvel.

Para esta etapa é imprescindível o acompanhamento do inquilino titular da locação ou de outra pessoa com procuração.

5º PASSO: Acompanhar a Vistoria de Orientação

Durante a vistoria, nosso profissional irá identificar todos os reparos que você precisará providenciar para devolver o imóvel exatamente como ele foi entregue no início da locação. Para isso, levaremos em conta o laudo de vistoria de entrada.

Isso significa que o imóvel deverá ser devolvido com toda a mobília, utensílios, eletrodomésticos e acessórios intactos, com as devidas manutenções realizadas e a pintura renovada, se assim tiver sido entregue no início da locação.

6º PASSO: Realizar Reparos e/ou Pintura

Após as nossas orientações, é hora de executar os reparos e/ou a pintura do imóvel diretamente com os prestadores de sua preferência. Lembre-se que nesse passo a passo específico fica tudo por conta do inquilino, incluindo o orçamento.

7º PASSO: Agendar Vistoria de Conferência

Ao optar por realizar os reparos por conta própria, nós precisamos voltar ao imóvel para conferir se o resultado está dentro do que havia sido orientado na vistoria anterior. Neste caso você deve entrar em contato com a imobiliária para agendar com no mínimo 2 dias de antecedência.

8º PASSO: Acompanhar a Vistoria de Conferência

Essa vistoria também deve ser acompanhada pelo inquilino titular da locação ou por outra pessoa com procuração. Nosso vistoriador irá conferir se todas as pendências identificadas na vistoria anterior foram resolvidas. Caso contrário, novos reparos serão solicitados até que o imóvel possa ser entregue nas mesmas condições do início da locação.

É importante lembrar que sempre que for verificada a necessidade de novos reparos, também haverá a necessidade de realizar uma nova vistoria. Portanto, a partir daqui, faremos a cobrança de R$ 100 por vistoria de conferência extra que possa ser necessária.

9º PASSO: Realizar o Acerto Final

Após a vistoria de conferência aprovar os reparos realizados por conta do inquilino, nós faremos um balanço com todos os valores em aberto até esta etapa para que possamos encaminhar o acerto final. Você basicamente fará o pagamento de:

  • Vistorias de Conferência Extras (caso haja)
  • Aluguel Proporcional (incluindo dias que foram utilizados para reparos)
  • Condomínio Proporcional
  • Água Proporcional
  • Conta Final da Luz
  • Gás Proporcional
  • IPTU Proporcional

Atenção! Lembre-se que o aluguel e demais encargos serão devidos até a assinatura do distrato contratual.

10º PASSO: Entregar as Chaves

Assim que o acerto for concluído, você já poderá fazer a entrega das chaves.

11º PASSO: Assinar o Distrato do Aluguel

Com tudo resolvido, é só assinar o distrato de locação e partir para uma nova etapa em sua vida.